Reduzir perdas e maximizar o resultado operacional

Publicada em 25/JUL/19

Categoria(S): Ferramenta • setor(es): Alimentos & Bebidas, Automotivo - Autopeças, Infraestrutura & Construção Civil

Total Productive Management (TPM), um modelo de sistema de gestão que direciona os esforços dos profissionais em direção a ótima eficiência operacional

O ambiente empresarial está em constante mudança e crescente complexidade. A organização precisa evoluir e se adaptar a esta nova realidade. Hoje, com a modernização das relações e o acesso à informação, está cada vez mais fácil encontrar novos fornecedores com produtos mais baratos, de melhor qualidade e em menos tempo.

As fábricas modernas não podem esperar tanto tempo para concretizar as mudanças e melhorias que almejam. Sem atualizações nos processos produtivos, os altos custos e elevados índices de perdas associadas a estes processos farão com que a empresa seja substituída pelos seus competidores. Os modos de produção precisam se tornar mais eficientes e competitivos.

Além disso, todo ambiente corporativo é composto por pessoas. Algumas delas com grandes ideias e força de vontade para executar melhorias nos seus processos e modos de produção. Seja em seus postos de trabalho ou na maneira geral como seu setor deveria funcionar. No entanto, muitas vezes, estas iniciativas estão desconectadas do sistema de gestão da corporação como um todo e grande parte das informações é perdida e voltamos à estaca zero. Não existe uma cultura que centralize, avalie e controle estas melhorias.

Quando falamos de indústrias de manufatura e com altos investimentos em máquinas e equipamentos, diariamente são propostos novos métodos e planilhas para acompanhar produções e prever falhas nos equipamentos. Mas como unificar estas iniciativas pontuais desconectadas da alta gerência e como desenvolver uma cultura que torne o sistema produtivo mais eficiente e competitivo?

Como desenvolver uma cultura que torne o sistema produtivo mais eficiente e competitivo?

Para driblar esta situação as corporações precisam utilizar métodos e ferramentas mais modernos e sofisticados que têm como princípios resolver exatamente estes problemas. Uma maneira que permita que mudanças sejam realizadas em pequenas etapas, ultrapassando um obstáculo por vez e direcionando estes avanços em direção à máxima eficiência do sistema produtivo.

Um sistema de gestão para otimizar a performance da organização

As mudanças precisam ter um ponto de partida e não irão acontecer de uma hora para a outra. O Total Productive Management (TPM) é um sistema que pode alcançar muitos resultados quando implementado de uma maneira estruturada, mesmo em um pequeno espaço de 3 a 6 meses já se pode perceber melhorias operacionais. Porém, o elemento decisório para fazer com que estes avanços se perpetuem além da implementação do sistema é a cultura. Sem um desenvolvimento das equipes e dos funcionários que irão lidar dia-a-dia com os métodos e ferramentas propostas pelo TPM, a corporação pode se preparar para engavetar mais uma iniciativa mal sucedida.

Podemos estabelecer como principais objetivos do sistema TPM:

  • Criar de cultura corporativa que busca a máxima eficiência do sistema produtivo em todos os níveis da organização;
  • Garantir uma produção com zero defeitos, zero quebras e zero acidentes, maximizando os resultados operacionais;
  • Incentivar a comunicação entre as áreas de produção e manutenção visando prevenir falhas.

O Total Productive Management, fornece as bases necessárias para atacar as perdas em todos os processos da sua empresa e maximizar o desempenho operacional. Este sistema está baseado em 8 pilares que endereçam os principais pontos de perdas no processo produtivo. As técnicas e ferramentas presentes em cada um dos pilares permitem otimizar diversos aspectos da corporação, tais como:

Ciclo de vida das instalações industriais: Através da integração entre áreas de Produção, Engenharia de Produto, de Processo, Manutenção, Qualidade e Melhoria Contínua é possível aumentar o ciclo de vida da infraestrutura. Com a organicidade do TPM essas áreas passam a avaliar informações e tomar decisões conjuntamente, mais alinhadas com os objetivos e estratégias organizacionais, desde os estágios de concepção, projeto básico e projeto detalhado das melhorias. O resultado compreende instalações livres de manutenção corretiva, de fácil operação, livres de geração de defeitos e com alta eficiência global.

Eficiência dos postos de trabalho: O crucial envolvimento dos operadores em atividades de verificação rotineira, dos apontamento de anomalias, da execução de análise das perdas de eficiência dos postos de trabalho.

Manutenção mais eficiente: As perdas de disponibilidade e custos de manutenção, são atacados através da prevenção de problemas de manutenção pela identificação e combate das causas raiz de quebras e falhas, com o uso de técnicas avançadas de análise de problemas e a manutenção preventiva baseada em dados e condições pré estabelecidas.

Garantindo saúde e bem-estar: Buscando eliminar riscos, acidentes e impactos ambientais, que são abordados com técnicas avançadas de análise de causas.

Eficiência com qualidade: Trabalhando perdas por não qualidade, com o uso de ferramentas para identificar os pontos críticos para a garantia da qualidade nos fluxos e postos de trabalho de produção.

Burocracia desnecessária: Garantindo eficiência evitando excessiva burocracia e atividades que não agregam valor nos fluxos documentais, que são atacados com ferramentas de análise crítica dos processos administrativos com o Lean Office.

Cuidado com as ineficiências: As perdas por ineficiência de máquinas, pessoas, energia, matérias primas e perdas durante o fluxo (com dessincronização de programação de produção e excessivo “lead-time”), que são combatidas com técnicas e ferramentas fornecidas pelo sistema enxuto de produção: Lean e a Teoria das Restrições.

Perpetuando o conhecimento: As perdas por falta de capacitação, focando a melhoria contínua e a inovação, presentes em todos os níveis da organização, com o uso de técnicas para identificar gaps de conhecimentos, habilidades e atitudes.

Conteúdos Relacionados

Eventos relacionados